Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Diário do "bipolar"

"Diário do amor, em parcelas escritas de lágrimas, silêncios e ânsias. O tempo igual ao de todos, pincelado de saudade e esperança. A luz que surge no caminho. Viver. Cair e levantar. Em cada dia."

Diário do "bipolar"

"Diário do amor, em parcelas escritas de lágrimas, silêncios e ânsias. O tempo igual ao de todos, pincelado de saudade e esperança. A luz que surge no caminho. Viver. Cair e levantar. Em cada dia."

Agasalha-te em mim

Lindolfo Cunha | 04.12.17
Está uma noite gélida, tento-me aquecer de todas as maneiras possíveis neste vazio dentro de quatro paredes. Fazes-me falta. Esse amor que só tu sabias dar que foram substituídos por silêncios. Tento contornar, tento não pensar em ti, num futuro que talvez nunca irá existir. Chamo-lhe: "a minha doce ilusão". Talvez seja isso que me faça lutar e querer mais.