Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Diário do "bipolar"

"Diário do amor, em parcelas escritas de lágrimas, silêncios e ânsias. O tempo igual ao de todos, pincelado de saudade e esperança. A luz que surge no caminho. Viver. Cair e levantar. Em cada dia."

Diário do "bipolar"

"Diário do amor, em parcelas escritas de lágrimas, silêncios e ânsias. O tempo igual ao de todos, pincelado de saudade e esperança. A luz que surge no caminho. Viver. Cair e levantar. Em cada dia."

Quero-te comigo

Em silêncios partilhamos os nossos segredos.
Em silêncios, longe um do outro, sentido-nos incompletos.
Em silêncios gritamos em voz alta os Amo-te e Adoro-te.
Nas carícias sentimos cada milímetro dos nossos corpos. Faz-nos querer mais, dar mais, ser mais!
Nas carícias encontramos a nossa protecção. Um escudo invisível onde nenhum rancor, mágoa ou mal consegue penetrar.
Nos abraços fundimo-nos num só corpo, separados por largas horas de saudade.
Juntos, juntos somos um, mais fortes e resilientes.
Juntos somos a esperança e a loucura de um amor inocente.
No beijo há o respeito que, de uma maneira calma e serena, aguardávamos pacientemente.
Quando me beijas, a tua saliva faz uma reacção química no átomos do meu corpo e, o meu coração fala com o teu.
Quero-te muito. Quero-te comigo. 
Quero-te muito. Quero-te abraçar.
Quero-te muito. Não deixarei de te Amar.

 

51982166_10219068278360221_259743893891842048_n.jp

 

"Em silêncio: Amo-te"